Dá cá os meus boletos e vamos falar sobre suicídio.

escrito por Rosa


Quem me acompanha nas redes sociais sabe que eu tenho falado bastante sobre o Setembro Amarelo e sobre a importância de falarmos sobre suicídio. Os números são alarmantes: 

Estima-se que um milhão de pessoas morram desta forma anualmente, uma a cada 40 segundos, o que equivale a 1,4% dos óbitos totais. Cerca de 75% ocorrem em países de renda média e baixa. Segundo a OMS, apenas 28 países possuem estratégia nacional de combate à morte voluntária. A média global é de 11,4 por 100 mil habitantes, sendo 15/100 mil entre homens e 8 entre as mulheres.

É óbvio que qualquer suicídio me mobila e comove, mas por questões pessoais e pela própria natureza do meu trabalho, aqueles que acometem adolescentes me deixam especialmente preocupada. 


Os jovens merecem cuidado redobrado, pois é na faixa etária entre 15 e 29 que encontramos os maiores índices de crescimento globais de suicídios. Em 2012, a morte voluntária foi a segunda causa de morte de jovens no mundo, e no Brasil o cenário é similar. 

Quando falo sobre adolescentes, é comum uma reação negativa dos meus interlocutores e eu honestamente já me acostumei a tentar explicar que, não, adolescentes não são naturalmente chatos, especialmente irritantes ou algo do tipo. E quando a pessoa não vale à pena meu esforço, eu faço alok e saio andando, porque ando meio sem saco para quem não sabe ouvir - e fica só esperando a vez de vomitar absurdos infundados. A frase favorita dessa parcela da população é "eles não sabe o que é ter conta para pagar". Eu sempre digo isso: eu prefiro meus boletos a qualquer crise de identidade parecida com aquelas sofridas pelos adolescentes.

Resultado de imagem para setembro amarelo

Adolescentes são uma bomba hormonal, bombardeados por todos os lados por gatilhos que aumentam todas as características inerentes à fase: autoestima abalada, sensação de incompreensão, culpa, medo, angústia, excesso de preocupação com o pensamento dos outros. Então, de todas as preocupações imensas desse #setembroamarelo, que é um mês de prevenção ao suicídio, a maior é essa: que tal a gente não massacrar a cabeça de quem já tem dúvidas o suficiente?

Para quem tem dúvida ainda: Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização a prevenção do suicídio, com o objetivo de alertar a população a respeito da realidade do suicídio.

se você é professor,ou uma pessoa interessada em jovens e adolescentes, uma dica: leia ISSO AQUI




Nenhum comentário:

Postar um comentário


Somos Marcella Rosa e Marina Sena, parceiras no blog, na luta e na vontade de mudar - nem que seja um pouquinho - o mundo. O Maggníficas é um pouco de nós, porque aqui tem moda democrática, empoderamento feminino e amor próprio. Nosso foco é a sororidade e a vivência plena de todos os corpos, porque acreditamos que somos todas maggníficas e que todo mundo pode tudo!

maggnificas@gmail.com