Viajando: Paraty/RJ

escrito por Marina Sena


Oi, gente! Tudo bem com vocês?

No final de janeiro fui até Paraty e fiquei alguns dias por lá, aproveitando essa beleza do Rio de Janeiro! Tanta coisa aconteceu de lá pra cá (como Fashion Weekend e Bazar POP) que não deu tempo de dividir antes aqui com vocês; mas isso nem é tão ruim porque sempre demoro um pouquinho pra escrever, assim fico saudosista já querendo voltar (se bem que não precisa de muito pra querer isso)! Amo demais viajar e também escrever sobre essas experiências, gosto de ler depois e assim relembrar como tudo aconteceu.

Essa foi minha terceira vez em Paraty e não canso de dizer como tudo lá é lindo!

O centrinho histórico já é bem famoso, com suas características ruas de paralelepípedos e barzinhos com mesas à céu aberto, assim como a invasão das águas nas marés de lua cheia, e suas igrejas, que são quatro. O centro histórico é Patrimônio Nacional tombado pelo IPHAN, e considerado como "o conjunto arquitetônico colonial mais harmonioso".




Nessas ruas não passam carros, e até são protegidas por correntes para impedir essa passagem e preservar toda essa lindeza e encantamento. Há muita diversidade lá, em toda esquina acontece algo diferente, geralmente músicos se apresentando, cantando e/ou tocando para todos os gostos e estilos, de formas variadas e muito intensas - pode apostar!

Não levem sapatos com salto alto, até de rasteirinha às vezes é difícil de andar por lá - mas alguns tropeções sempre valem a pena (e uma cachacinha Gabriela também), até você pegar no jeito. 

Fora do centrinho também há beleza <3

Quem vai à Paraty não pode deixar de fazer o passeio de escuna: fiz nas três vezes em que fui e não me arrependo de maneira alguma!

O passeio de escuna nos proporciona vistas como essa

E mergulhos num mar como esse - aqui é a praia da Lula

Têm que conhecer Trindade também, que é como uma vila, há 30km do trevo de Paraty. Foi minha segunda vez lá e esse lugar me encanta demais; amo a energia, as águas e a vibe do turismo (e Trindade vive diretamente disso!).

São 6 praias em Trindade, além da cachoeira dos Codós e da piscina natural do Cachadaço, que tem o acesso feito por trilha ou através de barquinho; têm peixinhos lá! A praia do Meio tem uma trilha para a praia do Cachadaço, que por sua vez tem uma trilha para a piscina natural.

Aqui é numa parte da piscina natural do Cachadaço 

A piscina natural é ali: quando fui da outra vez, há uns três ou quatro anos, era mais limpo e com menos pessoas; mesmo assim ainda vale a visita

Na primeira praia de Trindade, a Brava - que é brava mesmo, cheia de ondas fortes e até bem altinhas!

Além disso, ainda dá para conhecer cachoeiras, o Parque Nacional da Serra da Bocaina, Parque Estadual da Serra do Mar, Saco do Mamanguá, Reserva da Joatinga, e as praias do entorno (Paraty conta com quase 60 praias). O Saco do Mamanguá é uma entrada de mar com 8km de extensão e 2km de largura, possuindo 33 praias e 8 comunidades caiçaras. Dá para chegar lá partindo de Paraty-Mirim ou através de trilha. Não é demais? Mas não foi ainda dessa vez que conheci :(

Paraty-Mirim é tranquila, extensa e com bancos de areia

E foi onde tentei sup pela primeira vez :)

Para chegar na praia de São Gonçalo tem que passar por esse riozinho, que dependendo da maré, pode ser feita a pé ou de canoa :)

E vale super a pena, é uma praia linda e extensa

E de lá saem outros barcos para a Ilha do Pelado

Que é essa maravilha aqui ó

Água quentinha pra mami

E lindeza pra reunir todo mundo <3

Paraty é cheia de festivais, também para todos os gostos, no decorrer do ano: literatura, música, comida, bebida, surf, entre outros! Dá pra conferir tudinho AQUI.

Sou muito feliz no mar

E no sosseguinho de uma viagem boa

Deixei um montão de foto de fora! Vocês já conhecem Paraty? Têm alguma dica ou algo que deixei de mencionar? Me contem, tudo! Pode ser aqui, no Facebook ou no Instagram (@maggnificas)!

Beijo beijo!


Nenhum comentário:

Postar um comentário


Somos Marcella Rosa e Marina Sena, parceiras no blog, na luta e na vontade de mudar - nem que seja um pouquinho - o mundo. O Maggníficas é um pouco de nós, porque aqui tem moda democrática, empoderamento feminino e amor próprio. Nosso foco é a sororidade e a vivência plena de todos os corpos, porque acreditamos que somos todas maggníficas e que todo mundo pode tudo!

maggnificas@gmail.com