Organizando as bijuterias (gastando pouco)

escrito por Carol Caran


Ao contrário do que a Dani pensa, eu sou uma pessoa bagunceira. E espaçosa. Tão bagunceira e espaçosa que preciso fazer muita força pra me organizar e caber num apartamento com meu marido e logo mais, meu bebê (imaginem quanta tralha eu juntei ao longo de anos morando sozinha?!?!). 

Justamente por ser tão desligada e inclinada a tirar coisas e jamais colocar de volta no lugar, eu preciso de recursos pra manter tudo bonitinho.  


Já mostrei aqui algumas dicas de organização de sapatos e a Marina fez uma série de como organizar a casa que merece ser relida (os links seguem no final). Hoje, vou mostrar como mantenho minhas bijuterias, de forma que além de ficar tudo bonitinho, ainda evita que elas se percam ou estraguem. 

Você vai precisa de:

1) Caixinhas ou potinhos de tamanhos variados (vale caixa de relógio, remédio, as próprias caixas de presente de bijouteria, porta-jóias, potinhos de comida de bebê, enfim, qualquer coisa que tenha tampa e você acha que fica bonitinho no seu canto). Se você começara  juntar, vai ver que logo terá várias de todo tipo;

2) Saquinhos de tecido ou de plástico (aqueles que vem com presentes, ou aqueles que embrulham alguma lingerie/meia, brindes ou kits de escovas de dentes ou de avião);

Se quiser, pode arrumar saquinhos iguais em lojas de embalagens, artesanatos ou mandar fazer na costureira.
3) Uma caixa de acrílico de isca (se você procurar por caixa de bijouteria, vai pagar uma fortuna. Mas se olhar em lojas de caça e pesca ou utensílios doméstico, acha isso por menos de R$ 15,00). 

A maioria não tem um peixe desenhado...

4) Etiquetas (normais, de papelaria)

5) Cabides bonitinhos (sugiro os encapados de bebê).

Você pode usar cabides normais, mas esses além de fofinhos, podem servir como um sachê dentro do guarda-roupa se você borrifar essência ou perfume na espuma. São facilmente encontrados em lojas de casa, artesanato e coisas de bebê. 
Agora comece separando suas bijuterias entre as mais baratinhas, que usamos todo dia, e aquelas mais finas (de festa ou as chamadas semi-jóias). Depois separe brincos, anéis e pulseiras. 

Na caixa de pesca, coloque aquelas de menor valor monetário ou sentimental, as que usa sempre e que devem estar sempre à mão. 

Eu separo por "categorias", por exemplo: brincos básicos dourados e prateados (de trabalho), brincos grandes, brincos de piriguete, argolas, pulseiras molinhas, anéis de dedos do pé, tornozeleiras, etc. 
A caixinha fica assim, visível e de fácil acesso dentro da gaveta. 

As "bijus" de festa (com pedras e strass) devem ser guardadas uma a uma em saquinhos. Se puder manter aquele cartão de plástico e papelão que vem na loja, melhor ainda. Assim, diminui a chance de perder pedrinha ou quebrar as peças. Depois, você guarda todos os saquinhos em um saco maior ou em uma caixa. 

Eu usei saquinhos aleatórios e um "envelope" de feltro de avião roubado de alguém. Você pode usar coisinhas mais bonitinhas e próprias pra isso. Mas a ideia é: qualquer coisa serve!

As semi-jóias ou bijuterias finas, que custam mais caro, podem ser guardadas juntas com outras em caixinhas.  Mas compensa etiquetar tudo depois. Lembre-se que o que não é visto, não é usado. 

Outra dica é ter uma caixinha só pra juntar tarrachas de brincos. Além daquelas "perdidas", você pode ir em qualquer loja de acessórios e comprar uns dez pares (custa centavos) e deixar na caixinha. Poupa tempo de estar com pressa e procurando em outro brinco a tarracha que falta no que você quer usar. 

Caixas de todo tipo de procedência, mas etiquetadas. 

Por fim, basta pendurar os colares nos cabides e espalhar pelo seu cabideiro. O mesmo pode ser feito com as pulseiras rígidas (mas nesse caso, vale colocar um pregador de roupa pra não caírem). As minhas, ficam num porta pulseiras que ganhei de presente. 

No inverno, eu penduro lenços e encharpes no mesmo lugar. 
É isso. Tão legal quanto comprar coisinhas, é preservar as que temos. Que tal começar o ano fazendo um limpa nos armários, doando tudo o que não usa e arrumando o que ficar?

Pra mais organização sugiro os posts:

Organizando a cozinha Parte 1 e Parte 2


Um comentário:

  1. Aff... é claro q vc é espaçosa! olha quanto espaço perdido pra poucos colares nesse cabides gidas!!! acho q meus 90 colares não ocupam mais q 10cm²... deve ser por isso q nunca uso rs

    ResponderExcluir


Somos Marcella Rosa e Marina Sena, parceiras no blog, na luta e na vontade de mudar - nem que seja um pouquinho - o mundo. O Maggníficas é um pouco de nós, porque aqui tem moda democrática, empoderamento feminino e amor próprio. Nosso foco é a sororidade e a vivência plena de todos os corpos, porque acreditamos que somos todas maggníficas e que todo mundo pode tudo!

maggnificas@gmail.com