Diva MaGGnífica: Lena Dunham

escrito por Daniele Santos




Como falamos no post anterior Lena Dunham ganhou 2 Globos de Ouro na cerimônia deste ano (13/01/2013)


Mas vou confessar que nunca tinha ouvido falar dela, ou mesmo do seriado (pobre, sem tv paga é f...). Mas então, fiquei curiosa e fui pesquisar pra saber um pouco da sua vida... já que “perdi” esse tempo vou dar uma resumida e contar um pouco pra vocês.
  


Lena Dunham é uma real e jovem mulher que é 'somente' criadora, diretora, roteirista e protagonista da série "Girls" que foi a super revelação de 2012 e garantiu que, com apenas 26 anos, ela fosse premiada com o Globo de Ouro em duas categorias!
- melhor série de comédia ou musical
- melhor atriz de série de comédia ou musical
 - superando até a veterana Tina Fey (indicada por ”30 Rock), que é uma se suas admiradas referências.

Repararam que ela faz praticamente 'tudo' da série e ainda se sobressai diante dos que dividem funções?! #ToBoba! Não é a toa que a estão chamando de nova “garota-prodígio”!


Lena foge dos padrões beleza e faz o tipo descolado. Nascida e criada em Nova York, é filha de artistas, apareceu no cenário independente e ganhou os holofotes de vez com esta série.

A autora que também vive Hannah, personagem principal de 'Girls', já disse que o seriado tem muito de sua vida e que isso de certa forma funciona como um tratamento e a faz refletir muito sobre a vida. 

Mas ela sabe separar as coisas, não é uma série autobiográfica: Hannah e Lena são pessoas diferentes (e ela continua fazendo sua terapia, desde os 7 anos de idade!). Apesar de ambas discutirem qualquer assunto, Lena diz gostar de ter um argumento embasado, enquanto sua personagem fala o que lhe vem à cabeça. 


O seriado conta, sem glamour, a vida de quatro garotas de 20 e poucos anos que vivem em Nova York abordando discussões sobre política (autora é democrata declarada), racismo e homossexualidade. Cenas de sexo estão presentes em quase todos os episódios, mas ao ser questionada sobre a falta de glamour das cenas de sexo, Lena explica:
“Em ‘Girls’, não há sexo por si só. O sexo mostra como as pessoas se relacionam, como se expõem; o sexo faz parte da construção daquele personagem. Não é só a nudez pela nudez. Quanto à falta de glamour... Acho que talvez vocês estejam fazendo um sexo mais glamouroso do que eu (risos).”


A nova prodíGGio se parece com uma pessoa de verdade e é isso que ela pretende mostrar em seu trabalho: 
"Quero mostrar às pessoas o que acontece de verdade. Não penso em ser um exemplo, mas, sim, em como sou sortuda por poder discutir na TV questões que não são comuns no universo televisivo."

"Saber que as pessoas se identificam e se sentem menos sozinhas é muito significativo. Você tem que encontrar a linha tênue entre manter essa posição privilegiada e tentar continuar sendo livre como sempre foi."

Lançamento da segunda temporada de Girls
“Girls” estreou sua nova temporada neste domingo nos Estados Unidos. No Brasil, os episódios serão exibidos pela HBO a partir do próximo domingo, dia 20. Se você tiver a chance de assistir acho que deve valer a pena! Eu vou ver o que consigo por aqui....rs

Por enquanto fico só com esse trailer da 2ª temporada


.
Leia mais sobre esse assunto em Aqui e Aqui


Um comentário:

  1. Me disseram que é um Sex and the City sem todo o glamour da Carrie e cia. e justamente por isso mais legal. Afinal, a gente até de indentificava com as histórias, mas um Manolo pra andar na rua numa tarde de terça-feira era demais.. rs

    ResponderExcluir


Somos Marcella Rosa e Marina Sena, parceiras no blog, na luta e na vontade de mudar - nem que seja um pouquinho - o mundo. O Maggníficas é um pouco de nós, porque aqui tem moda democrática, empoderamento feminino e amor próprio. Nosso foco é a sororidade e a vivência plena de todos os corpos, porque acreditamos que somos todas maggníficas e que todo mundo pode tudo!

maggnificas@gmail.com