Como se tornar uma modelo Plus Size

escrito por Maggníficas



Como nós já falamos AQUI, muitas pessoas vêm nos perguntar o que fazer para se tornar uma modelo plus size, e nós decidimos pegar, com pessoas mais experientes e deixar disponíveis para as leitoras maGGníficas, as informações que podem fazer a diferença e ajudar bastante aquelas que desejam investir na carreira de modelo plus size.

Começamos falando das grandes dificuldade que esse mercado oferece no post "Por que não ser modelo plus size?"! Mas se você leu e mesmo assim você acha que tem talento e que vale a pena correr atrás, veja a reprodução que estamos fazendo de um post completíssimo que a Miss São Paulo e dona da loja virtual Best Size, Carla Manso, publicou em seu blog Fatshion. Todas as dicas possíveis estão nesse post e nós não faríamos melhor!

Aproveitem as dicas e corram atrás!!!




Saiba como se tornar uma modelo Plus Size



Todos os dias alguém me pergunta o que deve fazer para começar a trabalhar como modelo plus size. Eu recebo mensagens no Facebook, e-mails, tem comentários no blog e até já me chamaram no rádio para pedir ajuda. Infelizmente, eu não tenho mais tempo de responder a todas, por isso decidir fazer este post.
Em primeiro lugar, é importante salientar que não é qualquer gordinha que pode modelar. É preciso ter disponibilidade de horário, ser desinibida, ter fotogenia, conhecer o próprio corpo, ter boa pele, cuidar bem dos cabelos, das unhas, da sobrancelha, dos dentes (sim!!!), estar sempre com a depilação em dia, saber andar de salto alto e ter muita, mas muita paciência… para esperar na fila dos desfiles e castings, para aguardar respostas de grifes e agências e, para cobrar os cachês. Ah, e claro, ter jogo de cintura para saber lidar com as concorrentes.
Ainda está disposta a se tornar uma modelo plus size? Então prossiga com a leitura.
Catálogos
Os manequins mais procurados são 46 e 48. Isso não quer dizer que os demais manequins não consigam fotografar. Há grifes que fazem questão de fotografar apenas modelos 44. Outras fazem questão de fotografar apenas modelos 50/52. Do 54 em diante é mais difícil.
Ah, mas e a Mayara Russi?
Benhê, com aquela pele, aquele olhar, aquelas poses, aquela fotogênia e aquele carisma, não tem para ninguém mesmo! A modelo Mayara Russi, conhecida nacionalmente como a Ana Paula Arósio GG, é tão linda, mas tão linda, que muitas marcas fazem questão de tê-la protagonizando seus catálogos, independente do seu manequim.
Desfiles
Para a passarela, é necessário que a modelo tenha a partir de 1,65 m. Também é mais comum que as grifes solicitem modelos até o manequim 50. O motivo: desfiles costumam acontecer com peças pilotos, ou seja, nem sempre a grife tem variação de tamanho.
Modelos de Prova
A modelo de prova interage com o estilista da grife. Ela vai ao ateliê com certa frequência para experimentar as roupas que estão sendo confeccionadas. Quando cria intimidade com a equipe chega a dar palpites quanto aos ajustes – novo comprimento, alteração do desenho ou tecido das peças.
Eu já fui reprovada em um casting de modelo de prova, sendo considerada uma “gorda magra”. Hãn? É que o meu corpo tem o formato de pêra – menor em cima, cintura fina e maior embaixo). O mesmo acontece com quem tem o corpo no formato de triângulo invertido. A maior parte dos estilistas preferem experimentar suas roupas em modelos com medidas de busto e quadril mais proporcionais, que seriam o ampulheta ou maçã.
Modelos plus size realizam também outros tipos de trabalhos, como fotos para editoriais de revistas, presença VIP, desfiles em programas de TV, comerciais, clipes musicais, entre outros.
Fotos profissionais
Para participar de castings, você precisa ter fotos profissionais. Algumas produções, quando estão dispostas a procurar novos talentos, aceitam fotos caseiras tiradas em fundo branco (parede branca). Mas, se você quer ser tratada como uma profissional, suas fotos também precisam ser.
Sugestões de onde fazer fotos profissionais:
Fotógrafa Adriana Líbini
- Site: http://www.adrianalibini.com.br
- Facebook: http://www.facebook.com/adrianalibini
- Fone: 11 2669-8887/11 7634-2715/11 8162-2493
Fotógrafo Hilton Costa
- Site: http://www.hc1.com.br
- Facebook: http://www.facebook.com/hiltoncosta.fotografo
- Fone: 11 9234-1210
Fotógrafa Luana Botelho
- Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=1602924573
- Fone: 11 8479-1454/11 8096-9557
- E-mail: lua.jornalismo.83@gmail.com
Fotógrafo Toni Escalante
- Site: http://www.toniescalante.com.br
- Facebook: http://www.facebook.com/toniescalante
- Fone: 11 7664-4774
Fotógrafa Vivian Fernandez
- Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=791123730
- Flickr: http://www.flickr.com/photos/vivianfernandez
- E-mail: vivian.fernandez@gmail.com
DDM (Dia de Modelo – Projeto de Renata Poskus, do blogMulherão)
- Site: http://mulherao.wordpress.com/dia-de-modelo/
- E-mail: blogmulherao@hotmail.com
- Fone: 11 6459-9514
I Believe (Projeto de Kelly Hato e Kalli Fonseca, do blog Beleza Sem Tamanho(nota maggnífica: suspenso até início de 2.013)
- E-mail: contato@ibelievebr.com.br
Quem tiver mais sugestões de profissionais, deixe nos comentários, por favor!
Castings
Para participar de castings (processos de seleção de modelos), é preciso ficar atenta a sites, blogs e redes sociais de organizadores de eventos de moda, de grifes, de modelos e de agências, que vira e mexe divulgam novidades.
Muitas grifes e agências procuram modelos no Facebook, por isso é sempre bom manter o perfil com fotos profissionais e um e-mail aberto.
Agências
Estes são os nomes de algumas agências e produtoras que trabalham com modelos plus size:
G+ Models (Rio de Janeiro)
- Fone: 21 2569-7326/21 7822-1870
É importante sempre ter fotos profissionais e/ou um composite na manga, com medidas atualizadas, para disparar.
Eventos de moda plus size
Existem alguns eventos de moda plus size que acontecem com frequência, em São Paulo. O maior é o FWPS, que está prestes a realizar sua 6ª edição. O Mega Polo Moda coloca roupas grandes na passarela há cerca de 8 anos e outros menores surgiram recentemente. Ainda: grupos de amigas, igrejas e lojistas estão sempre organizando desfiles.
Mega Polo Moda
Shopping do Brás
- Site: http://megapolomoda.com.br
- Facebook: http://www.facebook.com/megapolomoda
- Fone: 11 3311-2800
MRFS (Mulheres Reais Fashion Show)
- Blog: http://somosmulheresreais.wordpress.com
- Facebook: http://www.facebook.com/mulheres.reais
- E-mail: mulheres.reais@uol.com.br
Troca-Troca GG, do blog Garotas Formosas
- Site: http://garotasformosas.com.br
- Facebook: http://www.facebook.com/GarotasFormosas
Cachê
O preço que se paga para a modelo varia de acordo com (1) o quanto a grife quer investir na imagem da loja dentro do segmento plus size, (2) a qualidade esperada no trabalho final, (3) o número de looks a serem fotografados, (4) o local de realização das fotos, (5) a forma de divulgação e (6) o período de contrato.
(1 e 2) Quanto mais experiente, melhor a modelo sai na foto, porque a plus size precisa saber o que deve esconder e o que deve evidenciar no seu corpo. Ela sabe quais as poses que a valorizam e sabe como valorizar cada roupa.
(3) A modelo se prepara para as fotos. No dia D, ela está com a depilação em dia (pelo amor de Deus!), os cabelos limpos e secos – muitas vezes até já escovados -, as unhas das mãos e dos pés feitas e a sobrancelha impecável. Ela também se locomove até o local escolhido pelo cliente. Por isso, ela deve estabelecer um valor mínimo de cachê – a diária – por esta disponibilidade. São as trocas que vão dizer o quanto o cliente vai usar da sua imagem e se você vai trabalhar durante 3h, 6h, 8h ou 10h naquele dia. Quanto mais trocas, maior o cachê.
(4) A modelo precisa contabilizar o tempo de ida e volta à locação. Fotografar no bairro vizinho leva 1h de locomoção. Em outro Estado, pode chegar a 6h/8h ou mais. Em alguns casos, a modelo precisa até dormir fora de casa.
(5) O preço também varia de acordo com os locais de exibição das fotos: anúncios online, impressos, outdoors, catálogos, folders e lojas virtuais.
(6) O contrato pode ser de 6 meses, 1 ano ou enquanto durar o estoque da roupa fotografada. Este é o tempo pelo qual a marca pode usar as suas fotos.
A maioria das modelos prefere quando a agência/produtora/loja convida com o cachê, número de trocas, data, local das fotos, tudo fechado. Ex: “R$ 2.000, 40 looks, próximo dia 14, em um estúdio na Zona Oeste, fotos para site, folder e catálogo, contrato de 1 ano. Você topa ou não?” Muito mais simples!
Cachês de desfiles são mais baixos e costumam servir de vitrine para a modelo conseguir catálogos ou outros trabalhos. Desfiles fechados – de uma única grife -, pagam melhor.
IMPORTANTE 
Eu, a blogueira Carla Manso, não me responsabilizo por eventuais problemas que você possa vir a ter com qualquer empresa ou profissional citado neste post.
-------------------------------------------------------------------------------------------

Vamos aqui também incluir a indicação do nosso fotógrafo:
Henrique Pimentel: 
Site: http://www.zhp.com.br/
Email: zap@zhp.com.br
Telefone: (11)  97093.7925 


Assim como a Carla, nós não nos responsabilizamos por quaisquer problemas que você possa ter com os serviços indicados!


4 comentários:

  1. adorei, tenho muita vontade de me torna modelo, por tenho a ulto estima muito baixa, e isso me ajudaria

    ResponderExcluir
  2. Maria Viviani Silvério12 de maio de 2015 09:45

    Eu quero ser modelo plus size me ajuda por favor adoro torar fotos sempre sonhei ser modelo

    ResponderExcluir
  3. Maria Viviani Silvério12 de maio de 2015 09:46

    Eu quero ser uma modelo plus saze

    ResponderExcluir
  4. Só uma pergunta, a partir de quantos anos pode se tornar uma modelo plus size ?

    ResponderExcluir


Somos Marcella Rosa e Marina Sena, parceiras no blog, na luta e na vontade de mudar - nem que seja um pouquinho - o mundo. O Maggníficas é um pouco de nós, porque aqui tem moda democrática, empoderamento feminino e amor próprio. Nosso foco é a sororidade e a vivência plena de todos os corpos, porque acreditamos que somos todas maggníficas e que todo mundo pode tudo!

maggnificas@gmail.com